Notícias
Notícias
19 de Abril de 2021
Tamanho da letra Diminuir Fonte Aumentar Fonte Imprimir
Como a tecnologia em nuvem abriu mais espaço para profissionais de TI


Com a chegada da pandemia causada pela Covid-19, as empresas passaram a adotar a tecnologia de Cloud Computing como estratégia para administrar os negócios. No cenário tecnológico atual, práticas como migrar dados e aplicar sistemas para a arquitetura em nuvem se tornaram uma grande tendência entre as corporações e uma alternativa para continuarem operando, sem danos aos negócios.

Segundo dados do Centro Regional de Estudos para o Desenvolvimento da Sociedade da Informação (Cetic.br), só no ano passado, o armazenamento baseado em nuvem passou de 25% para 35%, e o software empresarial na nuvem aumentou de 20% para 27%, assim como o uso da capacidade de processamento de Cloud foi de 16% para 23%.

Como se sabe, a computação em nuvem é responsável por distribuir, otimizar, armazenar, atualizar e garantir a estabilidade e a segurança dos dados e servidores, e tem se mostrado uma alternativa mais econômica, pois os usuários não precisam se preocupar em adquirir, manter e atualizar computadores e dispositivos de armazenamento de dados, já que há companhias e profissionais que fazem esse papel por meio da nuvem.

Para se ter uma ideia da proporção que essa solução tem alcançado entre as elas, segundo a consultoria Gartner, até 2025, 80% das empresas brasileiras já vão ter migrado seus data centers para alguma nuvem. Com isso, a expectativa é que os investimentos em cloud computing no país, somem cerca de R$ 28 bi nos próximos anos, abrindo novas oportunidades para o setor que se mostra cada vez mais promissor.

Diante de tantas inovações que estão sendo implementadas nas corporações para cobrir gargalos nesse período de pandemia, é possível perceber um aumento significativo na contratação de profissionais de TI. Conhecido como Arquiteto de Nuvem ou Arquiteto Cloud, ele é capaz de planejar, avaliar, gerenciar e implantar a infraestrutura de sistemas de uma instituição na nuvem e pode trabalhar tanto dentro das organizações quanto em consultorias especializadas.

A área é uma das que mais tem crescido no mercado de trabalho. Ao mesmo tempo que cerca de 20 milhões de brasileiros estão desempregados, segundo dados do IBGE, podemos ver que a realidade no ramo de Tecnologia da Informação é outra, pois existem muitas vagas abertas e poucos profissionais para preenchê-las. De acordo com estimativas da Associação Brasileira das Empresas de TI e Comunicação (Brasscom), até 2024, serão 421 mil postos de trabalho criados no setor.

Com esses insights, é possível concluir que o profissional de TI é um pilar fundamental neste novo momento que estamos vivendo, principalmente nas empresas de tecnologia, que tem crescido em grande proporção no Brasil e ajudado outros setores a se recuperarem financeiramente e a continuarem operando. A TI é capaz de transformar todas as áreas e o negócio, e a tecnologia em Nuvem, a porta de acesso a um mundo de novas possibilidades. Vamos juntos?

Armindo Sgorlon, CEO da SGA TI em Nuvem.

Fonte: TI Insider

Compartilhe

LEIA TAMBÉM

ADESAO
ADESAO 50
Crédito Simulado Paketá
PESQUISAR BENEFÍCIO

Área ou segmento


Tipo

Categoria

Cidade



Buscar


NOTÍCIAS MAIS...

Sindpd com VC: Associe-se ao Sindpd e conheça todos os benefícios

Últimas do Convergência Digital


Últimas do IDG NOW

Conheça o Sindpd Digital
Facebook do Neto

Zap Neto
Zap Neto

CSB Zap
CSB Zap
O Sindpd está no Instagram
Homenagens - mulher
Homenagens - 75

HOMENAGENS
HOMENAGENS

FGTS
FGTS