Notícias
Notícias
WhatsApp
24 de Junho de 2022
Tamanho da letra Diminuir Fonte Aumentar Fonte Imprimir
Empregados da PRODAM, em assembleia virtual, aprovam proposta de renovação de Acordo Coletivo de Trabalho e Teletrabalho para o ano de 2022
O compromisso firmado entre as partes foi aprovado pela maioria absoluta dos presentes, e abrange a todos os trabalhadores da companhia



O SindPD realizou, na manhã da última segunda-feira (20), uma Assembleia Geral on-line junto aos servidores da Empresa de Tecnologia da Informação e Comunicação do Município de São Paulo - Prodam, para discussão e deliberação das propostas de renovação do Acordo Coletivo de Trabalho (ACT) para o ano de 2022, bem como da renovação do Acordo de Teletrabalho que vigorará até dezembro de 2023.

A assembleia foi conduzida pelo presidente em exercício do SindPD, João Antonio Nunes, e pelo diretor Edison Galli. Ambos incumbiram-se da apresentação, explicação e resolução de todas as dúvidas dos trabalhadores quanto à proposta formalizada pela estatal. Ainda, citaram alguns dos mais relevantes avanços conquistados para nossa categoria, através dos 37 anos de luta sindical incessante deste sindicato.

Quanto à proposta de Acordo Coletivo de Trabalho - que prevê um aumento salarial de 10,16% retroativo a 01/01/22 - faz-se importante ressaltar a sinergia e o esforço coletivo de todas as partes envolvidas no processo, tais quais: representantes do SindPD; Diretoria de Participação; Conselho de Representantes e a própria Comissão de Trabalhadores - que reúne membros das diversas áreas da companhia. Todos trabalharam efetivamente juntos na elaboração do ACT que possui 79 cláusulas - algumas superiores a nossa própria Convenção Coletiva - e outras específicas para atender às necessidades da empresa e de seus empregados.

Por fim, o acordo aprovado por cerca de 98% dos 365 trabalhadores presentes à reunião, espelha o reconhecimento destes quanto aos esforços de estruturação do pacto firmado entre as partes, e contempla todos os funcionários da Prodam.

Compartilhe

WhatsApp
LEIA TAMBÉM