Notícias
Notícias
27 de Novembro de 2019
Tamanho da letra Diminuir Fonte Aumentar Fonte Imprimir
Funcionário da Creditas agora faz parte da base do Sindpd


Recentemente o Sindpd realizou uma assembleia na Creditas e firmou um acordo de trabalho que nos orgulha. O acordo garante aos trabalhadores direitos que ultrapassam garantias da CLT e da Convenção Coletiva de Trabalho dos Profissionais de TI.

Para os trabalhadores da Creditas, tal acordo representa uma diminuição da exigência de quarenta e quatro para quarenta horas de jornada semanal, sem redução de salário. Essa vitória simboliza a valorização do trabalho de cada profissional da categoria visto que com menos horas de trabalho o valor por hora será maior, além de outras conquistas listadas mais abaixo que beneficiaram mais de 700 trabalhadores.

Você sabe quem garantiu essas conquistas para você, trabalhador?

O Sindpd ao lado dos profissionais de TI, ao longo dos último 35 anos, transforma lutas em conquistas para a categoria, resultando em direitos e benefícios como o PLR, uma das mais importantes conquistas dos últimos anos.
Por menos de 1 Real por dia você pode fortalecer essa luta por mais conquistas e direitos para os trabalhadores.
Junte-se a nossa luta e defenda suas garantias enquanto trabalhador!

FILIE-SE AO SINDPD!

Para mais informações, mande uma mensagem para nosso Sindpd Digital através do número (11) 99989-1023

Confira alguns pontos do Acordo Coletivo de Trabalho da Creditas:

ATRASO NO PAGAMENTO DE SALÁRIOS - O pagamento dos salários será efetuado até o quinto dia útil do mês subsequente ao da prestação de serviços e se o mesmo for pago fora deste prazo, serão acrescidos de correção diária, calculada pela variação do IGPM, ou outro índice legal que venha a substituí-lo, do mês trabalhado, além de multa de 2% (dois por cento) ao dia, limitada a 20% (vinte por cento) do total atrasado.

PAGAMENTO HORAS EXTRAS - A remuneração adicional por hora extraordinária, laborada após a jornada normal de trabalho, será de 75% (setenta e cinco por cento) do salário-hora, nos dias úteis. Na hipótese de ocorrer trabalho em dia de descanso semanal remunerado, feriados ou dias já compensados, a remuneração adicional será de 100% (cento por cento).

AUXÍLIO CRECHE - A Empresa reembolsará aos empregados o valor despendido com creche ou babá, no valor equivalente a 40% (quarenta por cento=R$.500,00) do salário normativo, estipulado na Cláusula "Salários Normativos", alínea "b- R$.1.250,00", para cada dependente, filho(a) ou enteado(a) com até 24 (vinte e quatro) meses de idade, e de 35% (trinta e cinco por cento=R$.437,50) para os com idade de 24 (vinte e quatro) meses e um dia a 60 (sessenta) meses, desde que mantidos em creche ou instituição análoga de sua livre escolha, ou sob os cuidados babá/enfermeiro contratado para prestação de serviços no âmbito residencial.

AUXILIO PREVIDENCIÁRIO - Ao empregado que conte com pelo menos 1 (um) ano de trabalho na Empresa e que esteja percebendo auxílio da Previdência Social, será pago uma importância equivalente a 70% (setenta por cento) da diferença entre seu salário e o valor do auxílio doença ou acidentário pago pelo órgão previdenciário. O complemento será devido somente entre o 16º e o 90º dia de afastamento e terá o limite máximo de 10 (dez) salários mínimos vigentes.

HORAS ABONADAS - Os empregados terão 03 (três) dias úteis ou 24 (vinte e quatro) horas fracionadas por ano, para levar filho de até 10 (dez) anos ao médico e 02 (dois) dias úteis ou 16 (dezesseis) horas fracionadas por ano, para levar os pais ao médico, mediante comprovação em até 48 horas posteriores.

JORNADA DE TRABALHO - Aplica-se o divisor 200 (duzentos) para o cálculo do valor do salário-hora do empregado sujeito a 40 (quarenta) horas semanais de trabalho.

HORÁRIO FLEXÍVEL - Será permitido o trabalho em horário flexível, de comum acordo entre o empregado e o empregador, cuja jornada diária não poderá ultrapassar aquela definida em contrato.

BANCO DE HORAS - O crédito decorrente do presente BANCO DE HORAS poderá ser usufruído das seguintes formas, sempre mediante autorização prévia da Empresa: a) Dias de folga adicionais na sequência dos períodos de férias, individuais ou coletivas; b) Dias de compensação de "pontes de feriados", de forma individual ou coletiva; c) Redução ou supressão da jornada de trabalho.

GARANTIA DE EMPREGO NO RETORNO DE FÉRIAS - Fica assegurada a todos os empregados garantia provisória no emprego após o retorno de suas férias, por igual prazo dos dias de descanso.

LOCAL PARA AMAMENTAÇÃO - As empregadas terão local apropriado para a retirada e guarda do leite materno, no período da amamentação naqueles estabelecimentos onde trabalhem pelo menos 25 (vinte e cinco) mulheres com mais de 16 anos de idade.

ESTABILIDADE PARA GESTANTES - Fica assegurada a empregada gestante ou adotante, sem prejuízo do emprego e do salário, estabilidade provisória de 30 dias, após o termino da estabilidade prevista no artigo 10, alínea "b" da Constituição Federal.

GARANTIA D EMPREGO AO FUTURO PAI - Fica assegurado, ao empregado marido ou companheiro de gestante, garantia de emprego do 7º mês de gestação até 30 dias pós a data do parto, desde que comprovada a gravidez.

ESTABILIDADE DE PAI - Fica assegurado, ao empregado marido ou companheiro de gestante, garantia de emprego do 7º mês de gestação até 30 dias pós a data do parto, desde que comprovada a gravidez.

ESTABILIDADE SERVIÇO MILITAR - É assegurada estabilidade provisória ao empregado em idade de prestar serviço militar obrigatório, a partir da incorporação até 60 dias após a baixa ou desengajamento

ESTABILIADADE POR MOTIVO DE AFASTAMENTO POR DOENÇA - Ao empregado afastado percebendo benefício previdenciário por 50 dias ou mais, por motivo de doença (benefício INSS espécie B-31), fica assegurada a estabilidade por 60 dias a contar da alta médica

HOMOLOGAÇÃO NO SINDICATO - A homologação no SINDPD será obrigatória nos casos em que o empregado a solicitar, por escrito, no momento do desligamento.

PRAZO PARA PAGAMENTO E ENTREGA DE DOCUMENTOS - A Empresa deverá entregar os documentos que comprovem a comunicação de extinção contratual aos órgãos competentes bem como o pagamento dos valores constantes no termo de rescisão em até 10 (dez) dias, contados a partir do término do contrato.

PRAZO PARA ENTREGA DE DOCUMENTOS - A Empresa preencherá a documentação exigida pelo INSS, quando solicitada pelo empregado, devendo fornecê-la nos seguintes prazos: para fins de auxílio doença: 3 (três) dias úteis; para fins de aposentadoria: 10 (dez) dias úteis.

Compartilhe

LEIA TAMBÉM

FGTS
Conheça o Sindpd Digital
O Sindpd está no Instagram
PESQUISAR BENEFÍCIO

Área ou segmento


Tipo

Categoria

Cidade



Buscar
Reservas de colônias


NOTÍCIAS MAIS...

Colônia de Férias

Últimas do Convergência Digital


Últimas do IDG NOW

Sindpd com VC: Associe-se ao Sindpd e conheça todos os benefícios
Facebook do Neto

Zap Neto
Zap Neto

CSB Zap
CSB Zap
Homenagens - mulher
Homenagens - 75

HOMENAGENS
HOMENAGENS

FGTS
FGTS