Notícias
Notícias
11 de Fevereiro de 2020
Tamanho da letra Diminuir Fonte Aumentar Fonte Imprimir
Prefeitura de São Paulo quer retirar direitos dos trabalhadores
Decisão da JOF - Junta Orçamentária-Financeira leva diferentes sindicatos se unirem na defesa dos servidores municipais



No final de 2019, as empresas municipais receberam a ordem de acabar, a partir de 2020, com os direitos trabalhistas garantidos por meio dos Acordos Coletivos de Trabalho, negociados com os sindicatos que representam estas categorias.

O Sindpd é responsável por representar os trabalhadores de uma das principais empresas municipais, a PRODAM. A empresa atua nas soluções em tecnologia da informação e comunicação para a prefeitura paulistana.

O sindicato dos trabalhadores de TI já apresentou a proposta de renovação do acordo coletivo e está aguardando o retorno da prefeitura acerca da pauta apresentada. É importante esclarecer que a data-base dos trabalhadores da PRODAM, 01º de janeiro, é diferente dos demais funcionários do serviço municipal.

Segundo o vice-presidente do Sindpd, João Antônio, a relação com a empresa sempre foi de "ganha-ganha", com importantes conquistas ao longo de muitos anos aos trabalhadores e com a compreensão do sindicato nas negociações em momentos de dificuldade.

"Sempre foi uma relação saudável, tivemos conquistas históricas com muita luta, mas sempre também buscamos compreender os momentos de dificuldade, mas agora é diferente. Não há crise! É retirada de direitos! Querem retirar direitos de trabalhadores de um serviço público de excelência", afirmou o vice-presidente do Sindpd.

Buscando fortalecer a luta e a resistência pelas conquistas, o fórum de representantes dos trabalhadores nas empresas, eleitos pela base, convidou o Sindpd e outros cinco sindicatos na defesa dos empregados municipais. Esses sindicatos são responsáveis pelos trabalhadores de empresas como a COHAB, SPTurismo, SPUrbanismo, SPObras, SPTrans e CET.

"Essa unidade dos sindicatos é fundamental para fortalecer a luta dos trabalhadores. É através da luta que vamos conseguir resistir a retira de direitos! Não tem outra alternativa a não ser conscientizar os funcionários e mostrar que juntos somos mais fortes", disse João Antônio.

Segue na íntegra a nota do Fórum Sindical:






Compartilhe

LEIA TAMBÉM

Sindpd com VC: Associe-se ao Sindpd e conheça todos os benefícios
Dataprev
Conheça o Sindpd Digital
PESQUISAR BENEFÍCIO

Área ou segmento


Tipo

Categoria

Cidade



Buscar
Reservas de colônias


NOTÍCIAS MAIS...

O Sindpd está no Instagram
Colônia de Férias

Últimas do Convergência Digital


Últimas do IDG NOW

Facebook do Neto

Zap Neto
Zap Neto

CSB Zap
CSB Zap
Homenagens - mulher
Homenagens - 75

HOMENAGENS
HOMENAGENS

FGTS
FGTS