Notícias
Notícias
19 de Março de 2021
Tamanho da letra Diminuir Fonte Aumentar Fonte Imprimir
Pressão na Amazon aumenta e agora sindicatos na Itália convocam greve para 22 de março
Sindicatos da Itália disseram na quinta-feira (11) que convocaram os trabalhadores das operações de logística da Amazon no país a entrarem em greve de 24 horas em 22 de março, depois que as negociações com um grupo de lobby empresarial sobre as condições de trabalho de fornecedores de serviços de entrega foram interrompidas.



Será a primeira greve que afetará todas as operações de logística da Amazon na Itália e envolverá trabalhadores nos armazéns e centros de logística da empresa, bem como fornecedores externos de serviços de entrega. Estes últimos são representados pela associação patronal Assoespressi.

Os sindicatos nacionais FILT-CGIL, FIT-CISL e Uiltrasporti disseram que as negociações com a Assoespressi sobre contratos para trabalhadores em fornecedores de serviços de entrega da Amazon foram "interrompidas abruptamente por causa da relutância do lobby em resolver positivamente as questões levantadas".

Os sindicatos pediram à Assoespressi para revisar vários aspectos dos contratos dos funcionários, incluindo cargas de trabalho, turnos, vale-almoço, bônus vinculados a resultados e pagamentos de viagens. Também pediu a redução do horário de trabalho dos motoristas.

Em sua declaração, os sindicatos também culparam a Amazon por não estar disposta a manter discussões com representantes dos trabalhadores.

A Amazon disse que as alegações dos sindicatos eram "falsas" porque o grupo norte-americano se reuniu com os sindicatos duas vezes em janeiro, disse uma porta-voz da empresa em um comunicado por e-mail.

Acrescentou que, como suas operações logísticas incluem prestadores de serviços de entrega, acredita que os sindicatos devem falar diretamente com eles, bem como com o lobby empresarial que os representa.

Amazon na Itália

O maior varejista online direto do mundo emprega 9.500 pessoas em tempo integral na Itália, das quais dois terços estão em logística.

A empresa norte-americana investiu 5,8 bilhões de euros (US$ 6,9 bilhões) na Itália desde o início das operações há 10 anos. Em janeiro, anunciou a abertura de dois centros logísticos, com investimentos adicionais de 230 milhões de euros.

No ano passado, cerca de um terço da equipe que trabalha em uma estação de entrega da Amazon no centro da Itália entrou em greve por causa de pedidos de medidas de segurança reforçadas para trabalhadores em meio à emergência de saúde por coronavírus. (US$ 1 = 0,8361 euros)

Fonte: Reuters

Compartilhe

LEIA TAMBÉM

ADESAO
ADESAO 50
Crédito Simulado Paketá
PESQUISAR BENEFÍCIO

Área ou segmento


Tipo

Categoria

Cidade



Buscar


NOTÍCIAS MAIS...

Sindpd com VC: Associe-se ao Sindpd e conheça todos os benefícios

Últimas do Convergência Digital


Últimas do IDG NOW

Conheça o Sindpd Digital
Facebook do Neto

Zap Neto
Zap Neto

CSB Zap
CSB Zap
O Sindpd está no Instagram
Homenagens - mulher
Homenagens - 75

HOMENAGENS
HOMENAGENS

FGTS
FGTS