Notícias
Jurídico
20 de Agosto de 2019
Tamanho da letra Diminuir Fonte Aumentar Fonte Imprimir
Sindpd ingressará na Justiça contra corte do fretado na Prodesp
Com mudanças agendadas para o dia 1º de setembro, o trajeto dos ônibus será apenas entre empresa e estações de metrô.



A Companhia de Processamento de Dados do Estado de São Paulo (Prodesp) anunciou mudanças no serviço de fretados. A atividade irá cobrir apenas o percurso entre empresa e as principais estações de metrô, o que se diferencia do trajeto tradicional, que se estende do local de trabalho à residência do funcionário.

A mudança irá atingir, entre terceirizados e contratados diretos, 820 trabalhadores e pode impactar negativamente suas rotinas, como diz Pedro Saldanha, o Diretor do Sindpd: "Muitos funcionários demoram mais de 3 horas para chegar ao serviço. Trajetos tão longos, em um transporte público geralmente lotado, fará com que eles já cheguem cansados no trabalho, o que é prejudicial até mesmo para empresa".

O direito ao fretado, que existe desde 1978, começou quando a Prodesp se transferiu do centro de São Paulo para Taboão da Serra, região de difícil acesso para muitos.

De acordo com o coordenador jurídico do Sindpd, Dr. José Eduardo Furlanetto, o que ocorre é uma "violação de direito adquirido".

Dessa forma, o departamento jurídico do sindicato estuda entrar com uma ação cautelar contra a medida, que entrará em vigor no dia 1º de setembro.

A diretoria da Prodesp justificou a medida alegando corte de gastos.





Compartilhe

LEIA TAMBÉM
Conheça o Sindpd Digital
Conheça o Sindpd Digital

O Sindpd está no Instagram
O Sindpd está no Instagram
POR QUE SE FILIAR?
PESQUISAR BENEFÍCIO

Área ou segmento


Tipo

Categoria

Cidade



Buscar
Reservas de colônias


NOTÍCIAS MAIS...

Colônia de Férias
Facebook do Neto

Últimas do Convergência Digital


Últimas do IDG NOW


Zap Neto
Zap Neto

CSB Zap
CSB Zap
Homenagens - mulher
Homenagens - 75

HOMENAGENS
HOMENAGENS

FGTS
FGTS