Notícias
Campanha Salarial
13 de Fevereiro de 2020
Tamanho da letra Diminuir Fonte Aumentar Fonte Imprimir
Sindpd propõe acordar Convenção para empresas com até 100 trabalhadores
Diante do impasse gerado pelas grandes empresas, em audiência pré-processual no TRT, Sindicato propõe ao patronato negociar Convenção Coletiva com as empresas menores que representam mais de 90% da categoria



Nesta quinta-feira (13), Sindpd e o Seprosp se reuniram na sede do Tribunal Regional do Trabalho da 2ª Região em uma audiência pré-processual para buscar tentar uma conciliação. A audiência foi solicitada pelos representantes patronais após a paralisação das negociações na primeira rodada.

Em sessão presidida pelo Desembargador Rafael Pugliei, o sindicato dos trabalhadores deixou claro que não irá se submeter a retirada de direitos da categoria e nem a tentativa de enfraquecer a estrutura sindical. O Presidente do Sindpd, Antonio Neto, condenou a orquestração das grandes corporações, liderada por um poderoso conglomerado de empresas, que visa subjugar a categoria.

"Muitas das maiores e mais predatórias empresas de TI não respeitam decisão judicial e não respeitam trabalhador. Fazem de tudo para tirar direitos e derrubar as conquistas da categoria, especialmente a PLR. Para começar, elas não querem pagar nada. Além disso, essa turma quer impor ao sindicato uma asfixia financeira para facilitar a sua ação predatória. Não vamos aceitar o jogo deles de levar a convenção coletiva para o Tribunal para depois eles recorrerem das deliberações. Já chamamos as empresas para negociar diretamente e vamos garantir aumento real para a nossa base. Estamos fechando acordos e muitas empresas estão nos procurando. ", exclamou Neto.

Ao lembrar que a intransigência por parte do patronal é comandada por esse grupo, Neto propôs como conciliação ao Seprosp, que os sindicatos negociassem a convenção coletiva, conforme a pauta aprovada pela categoria, para empresas com até 100 trabalhadores, o que representa mais de 90% da categoria.

"Já que vem delas (grandes empresas) essa intransigência, faço uma proposta. Assinar neste primeiro momento a Convenção Coletiva para as empresas com até 100 empregados com as nossas cláusulas que garantem aumento real e a manutenção das conquistas da nossa Convenção, garantindo assim a aplicação da nossa Convenção para a maioria das empresas da base", sugeriu Neto.

Os representantes do Seprosp aceitaram levar a proposta para deliberação em assembleia patronal. O sindicato dos profissionais de TI seguirá firmando acordos coletivos diretamente com as empresas que assim desejarem.

Uma nova audiência já está agendada no dia 31 de março.

Compartilhe

LEIA TAMBÉM

Esclarecimentos Carta de Oposição
Pasi
Sindpd com VC: Associe-se ao Sindpd e conheça todos os benefícios
PESQUISAR BENEFÍCIO

Área ou segmento


Tipo

Categoria

Cidade



Buscar
Reservas de colônias


NOTÍCIAS MAIS...


Últimas do Convergência Digital


Últimas do IDG NOW

Conheça o Sindpd Digital
Facebook do Neto

Zap Neto
Zap Neto

CSB Zap
CSB Zap
O Sindpd está no Instagram
Homenagens - mulher
Homenagens - 75

HOMENAGENS
HOMENAGENS

FGTS
FGTS