Notícias
Campanha Salarial
WhatsApp
12 de Julho de 2022
Tamanho da letra Diminuir Fonte Aumentar Fonte Imprimir
Trabalhadores da SERPRO em todo o Brasil entram em GREVE, por tempo indeterminado, nesta quarta-feira
Convocada pela Direção Nacional, a greve foi aprovada, em assembleia geral, junto ao sindicato de cada estado aderido



O Sindpd, órgão máximo de representação dos Trabalhadores em Processamento de Dados e Tecnologia da Informação do Estado de São Paulo, vem por meio desta, informar a todos o início da GREVE GERAL dos trabalhadores da empresa estatal Serviço Federal de Processamento de Dados - SERPRO a partir da próxima quarta-feira (10), com prazo indeterminado de término.

Tendo em vista todas as ocorrências e problemáticas apresentadas pela estatal nos últimos tempos, o Sindpd realizou na última quarta-feira, (03) - junto aos trabalhadores da base de São Paulo - uma assembleia geral, que foi conduzida pelo Diretor Antonio Randolfo, para deliberar e votar o tema que foi aceito pela maioria absoluta dos presentes, e uniu os servidores do nosso estado aos outros estados que já haviam estabelecido a resolução de greve.

Destarte, após diversas mesas de negociação, a representação do SERPRO não apresentou contraproposta frente a pauta de reivindicações e o atual Acordo Coletivo de Trabalho (ACT).

Na última mesa de negociação realizada com a representação nacional dos trabalhadores, os representantes da empresa mantiveram a proposta para o índice de reposição, a ser aplicado nos salários e benefícios de apenas 6,06% - que corresponde à METADE do que perdemos, considerando que o IPCA do período até maio/2022 é de 12,13%. Reafirmou também, que não pagará retroativo, provocando um prejuízo de mais de 12% ao mês para os trabalhadores.

Diante desta situação, a unificação dos trabalhadores em instaurar greve geral em prol da pauta de melhorias e garantias reais, e o cumprimento de todos os direitos conferidos de forma uníssona no âmbito nacional da base de servidores, em face das propostas até aqui ignomínias da SERPRO.

Por fim, diante de todo exposto, com apoio da Direção Nacional e de todos os trabalhadores que votaram a favor deste passo fundamental na luta incessante para não perdemos nenhum direito e benefício que nos é garantido, declaramos que a partir desta quarta-feira (10), está decretada a GREVE NACIONAL de todos os servidores da SERPRO.

Compartilhe

WhatsApp
LEIA TAMBÉM