Notícias
Releases
28 de Setembro de 2012
Tamanho da letra Diminuir Fonte Aumentar Fonte Imprimir
Celso Russomanno fala sobre propostas de TI para prefeitura de São Paulo
Candidato participou de debate no Sindicato de Tecnologia da Informação nesta sexta-feira

O candidato do PRB à prefeitura de São Paulo, Celso Russomanno, defendeu a reestruturação da Prodam (Empresa Municipal de Tecnologia da Informação do Município de São Paulo) e a implementação de tecnologia nas áreas de saúde, educação e transporte como forma de melhorar a vida do paulistano. O líder das pesquisas eleitorais participou do ciclo de debates com candidatos à prefeitura de São Paulo, nesta sexta-feira (28/9), realizado pelo Sindicato de Trabalhadores em Tecnologia da Informação do Estado de São Paulo (Sindpd).

Segundo ele, é inadmissível que setores como esses ainda não sejam informatizados, a falta de estrutura de TI dificulta o trabalho dos servidores públicos e prejudica a população.  "Uma cidade inteligente é uma cidade com tecnologia. Tenho visitado UBS [Unidades Básicas de Sáude], AMAs [Atendimento Médico Ambulatorial] e os formulários dos pacientes ainda são feitos em papel. Quando um cidadão chega na UBS faz vários exames e é encaminhado para um especialista na AMA, chega lá sem nada. O médico que irá atendê-lo não tem acesso ao histórico e acaba pedindo os mesmos exames já realizados. Com um sistema informatizado isso não acontece. É preciso integrar as informações usando a internet e a intranet, permitindo, assim, qualquer médico acessar o prontuário do paciente que está sendo atendido."

Russomanno também defendeu a biometria como auxílio para o transporte público e a implementação de sistemas que possibilitem recargas do bilhete único pelo cartão de crédito e celular. Além disso, prometeu reestruturar e investir na Prodam.

Em relação à educação, o candidato do PRB ressaltou a importância da informática e da internet no ensino básico. "As escolas são ruins e não possuem internet. Na periferia não há acesso. Precisamos construir a cidade digital com internet gratuita para todos, podemos fazer isso com uma parceria público-privada. As escolas muitas vezes possuem computadores, mas não conseguem utilizá-los pela falta de manutenção. Que geração é essa que estamos construindo? A informação está ligada à tecnologia, e quem não tem acesso a ela, não tem poder".

Para o presidente do Sindpd, Antonio Neto, o ciclo de debates é importante para discutir as propostas de TI direcionadas ao município. "É fundamental trazermos as questões de tecnologia da informação para o debate eleitoral. Ela deve ser uma aliada na solução dos problemas que a população enfrenta diariamente. Temos em São Paulo a maior empresa municipal de tecnologia do Brasil que é a Prodam, que, com investimentos, pode ajudar nesse processo", pontuou Neto.

O evento foi aberto à categoria de TI e à comunidade e contou com a participação de empresários do setor, dirigentes sindicais, direção do Sindpd e representantes de empresas municipais como a Prodam, SPtrans, SPturis e CET.
 


Compartilhe

LEIA TAMBÉM